Publicidade

Arquivo da Categoria Moda

quarta-feira, 24 de abril de 2013 Moda | 15:13

A moda brasileira agoniza

Compartilhe: Twitter

A moda tupiniquim agoniza e anseia por um novo horizonte, sem mesmo avistar esse horizonte.
O velho e bom desfile que tanto vemos por aí, está saturado, desgastado, falindo, e pelo que tenho visto na ponte aérea Rio-São Paulo, só as grandes marcas conseguem avistar o clarão do flash no fim da passarela.
Um grande passo foi dado na mudança das datas dos desfiles da SPFW e do Fashion Rio; mas, o que se viu na verdade, foi uma diminuição do line up das marcas que compoem a grade de desfiles dos respectivos eventos.
Tivemos uma semana de moda insossa, sem sal, sem grandes novidades. Até mesmo as principais estrelas que o Brasil não cansa de exportar para fora, deixaram os desfiles mais comedidos, tais como Lais Ribeiro, Katia Selinger, Gisele Bündchen, Raquel Zimmermann, Samira Carvalho, Lea T, entre outras que compoem a constelação de tops brasileiras e não pisaram em uma passarela nessa edição.
A moda brasileira pede ajuda, mas ninguém escuta, ninguém quer acender a luz da passarela para o grande show continuar brilhando.
Com um cronograma bem mais curto, o Fashion Rio deixou a desejar nessa temporada tão importante para os brasileiros. O verão é para o Brasil, o que o inverno é para o hemisfério norte. Aqui, em terras quentes, onde o corpo a mostra fala mais alto que os casacos e apetrechos que desfilam nas semanas de moda de NY, Milão, Paris… aqui reina a moda feita com pouca roupa, pouco tecido; reina o artesanal, o feito a mão, as rendas do nordeste, os biquinis e sungas do Rio de Janeiro, os incríveis jeans de São Paulo, os calçados do sul… e por aí vai, em uma país tão grande, mas tão carente em relação a uma moda estruturada.
Hey presidenta Dilma, estamos aqui! Também precisamos de incentivo fiscal, também precisamos de uma reestruturação em uma cadeia produtiva que abrange milhões de pessoas; direta e indiretamente. A indústria da moda é a segunda que gera e emprega mais pessoas no Brasil.
Com a chegada das grandes marcas dos famosos coaglomerados fashion do mundo, tivemos uma invasão de produtos importados que competem de forma desleal com marcas brasileiras. Falamos de marcas com mais de um século de expertice em marketing, produtos, mão de obra e por aí vai.
Sem um bom incentivo do gorverno brasileiro, o produto final chega ao mercado com preços tão elevados quanto aos das marcas extrangeiras.
Se os automóveis receberam tal incentivo do governo, porque a segunda cadeia mais produtiva do país que tem um futuro brilhante em exportações, não recebe o mesmo apoio, não se tem a devida atenção dos nossos governantes?
A cada R$100 pago em uma roupa no Brasil, R$54 é só de impostos. Mas para onde vai todos esses impostos que pagamos? Onde é investido o valor do imposto de uma calça jeans comprada em São Paulo? Ou até mesmo da sunga vendida no escaldante sol do Rio de Janeiro?
Fica aí a questão!

Foto: Fabio Lage

Autor: Tags: , , , , ,